sábado, outubro 25

AÉCIO FOI DIRETO AO PONTO

Receita de Aécio para acabar com a corrupção: tire o PT do poder

Aécio Neves e Dilma Rousseff (Foto: Marcelo Carnaval / Agência O Globo )
Nem que a vaca tussa, Dilma Rousseff responderá à pergunta que Aécio Neves lhe fez duas vezes, ontem à noite, durante o debate entre os candidatos a presidente promovido pela Rede Globo de Televisão. A pergunta: “O que a senhora tem a dizer sobre os mensaleiros do PT condenados pela Justiça e que estão presos?”
Dilma nada tem a dizer. Não teve no debate da Globo e tampouco nos demais debates do primeiro ou do segundo turno. Como é possível que uma presidente da República nada tenha a dizer sobre um assunto desses? Como se viu, entre nós, é possível sim. Não responder a perguntas incômodas é considerado por um povo que se acha esperto uma prova de grande esperteza – de fraqueza ou medo, jamais.
O debate foi dividido em quatro blocos. Em dois, candidato perguntou a candidato. Nos outros dois, eleitores indecisos perguntaram aos candidatos. O primeiro bloco, onde os candidatos se confrontaram, terminou empatado. Aécio ganhou com folga os três blocos seguintes. Respondeu às perguntas com tranquilidade. Protagonizou os momentos marcantes do debate. Deixou Dilma atrapalhada várias vezes. E se saiu melhor ao ser interrogado pelos eleitores indecisos.
Cometeu uma frase matadora, destinada à passar à história dos debates. Foi quando uma eleitora perguntou o que poderia ser feito para acabar com a corrupção. Aécio disse: “Existe uma medida para acabar com a corrupção: tirar o PT do governo!” O melhor do debate: as perguntas dos eleitores indecisos, que expuseram a dura realidade da vida das pessoas de carne e osso. Nada a ver com as pessoas que desfilaram na propaganda eleitoral de Dilma.
Um garoto contou que perdera um primo assassinado pelo tráfico de drogas. A professora, a trágica história do aluno que abandonou a escola para se tornar um dos chefes do tráfico. O florista cobrou uma solução para o problema das moradias. Afinal, o aluguel triplicou em quatro anos. O mico da noite foi para… Dilma, naturalmente. Uma economista do Ceará, de 55 anos de idade, disse que não consegue mais emprego. Resposta de Dilma: faça o Pronatec, um curso de qualificação. Puxa, a mulher já é qualificada. Precisa de emprego, não de curso técnico.
A vitória de Aécio em mais um debate, dificilmente, será capaz de imprimir um novo rumo à eleição. A tendência é que os eleitores de Dilma achem que ela venceu o debate. Os eleitores de Aécio acharão que o vencedor foi ele. É assim que costuma acontecer. De resto, algo como 84% dos eleitores de Dilma e dos eleitores de Aécio diz que não há hipótese de mudar seu voto. Um por cento dos eleitores de cada um diz que é alta a probabilidade de mudar. Para 4% de cada, existe alguma possibilidade de mudar. E 11% não respondem ou não sabem.
Por Ricardo Noblat
via Robson Pires

QUE MUTRETAGEM FOI ESSA?

A Pesquisa do IBOPE que seria divulgada nesta sexta-feira (24) pela InterTV Cabugi ficou para este sábado (25).
O instituto deverá dar alguma explicação, ou a empresa contratante, no caso, a InterTV Cabugi.
Como perguntar não ofende e desconfiar é uma intuição natural de qualquer cidadão, o que leva um Instituto de pesquisa frustar uma opinião publica que estava ligada na perspectiva do anúncio do resultado que não aconteceu.
Sei não, mas mutretagem faz parte do jogo midiático.
O TRE cassou ontem e mandou afastar o prefeito de Pedro Avelino, Sérgio Cadó, do PMDB.

O Pleno modificou a decisão de primeiro grau que havia absolvido o prefeito.
Pela decisão do TRE, deve assumir o presidente da Câmara.

VIVAS PARA DÁRIA


Registramos a mudança de idade da amiga Francisca Dária de Albuquerque Neves (prima de Aécio). Desejamos á aniversariante mil felicidades com muita paaz e saúde em seu transcurso de vida.

REUNIÃO MOTIVADORA E CARREATA DERAM O PONTO FINAL DA CAMPANHA PRÓ HENRIQUE












O sistema governista municipal tendo a frente o prefeito Júnior Benevides encerrou ontem a campanha 2014 pro Henrique fazendo uma reunião motivadora com sua militância na quadra do CRLC vindo em seguida finalizar o manifesto com uma carreata pelas ruas da cidade.




































Na multidão concentrada a presença marcante foi do lider Luizinho Cavalcante, dando uma oxigenada na plateia, estando em recuperação de um procedimento cirúrgico, fez questão de somar-se ao entusiásmo popular, demonstrando plena confiança na vitória de Henrique governador.










Motoqueiros e condutores de veículos realizaram um intenso corso pelas ruas do centra da cidade fazendo buzinaço e o povo bradando vivas para o 15 Henrique como campeão vencedor.

sexta-feira, outubro 24

Dilma ignora seus próprios critérios, faz ataque absurdo à VEJA, demonstra pouco apreço pela liberdade de imprensa e parece tentada a brincar de Chávez que quase fala português

Ou: Tentando intimidar o Jornal Nacional
Capa da Veja
Capa da revista Veja desta semana
Por: Reinaldo Azevedo
A senhora Dilma Rousseff, dublê de presidente e candidata, passou de todos os limites. Ela se esqueceu de que existe uma Constituição no país. No horário eleitoral do PT, acusou a revista VEJA de praticar “terrorismo eleitoral”. Referindo-se à reportagem da revista, segundo a qual o doleiro Alberto Youssef afirmou à Justiça e ao Ministério Público que Dilma e Lula sabiam da roubalheira da Petrobras, afirmou a governanta:
“Não posso me calar frente a esse ato de terrorismo eleitoral articulado pela revista ‘Veja’ e seus parceiros ocultos. Uma atitude que envergonha a imprensa e agride a nossa tradição democrática. Sem apresentar nenhuma prova concreta e mais uma vez baseando-se em supostas declarações de pessoas do submundo do crime a revista tenta envolver diretamente a mim e ao presidente Lula nos episódios da Petrobras, que estão sob investigação da Justiça”.

Então vamos ver todas as falhas em que incorre a senhora presidente, que fala como candidata, e a candidata, que tem a pretensão de falar como presidente:
1. Quem tem parceiros ocultos na subimprensa é o governo federal, que financia veículos de comunicação, especialmente os chamados blogs sujos. O pior é que esse financiamento é feito com dinheiro público, com a publicidade da administração direta e das estatais.
2. No debate da Jovem Pan-UOL-SBT, Dilma levou ao ar a acusação de que Sérgio Guerra, ex-presidente do PSDB, já morto, também teria recebido dinheiro do esquema. A acusação havia acabado, então, de ser publicada por Monica Bergamo na Folha. Atento, um assessor de Dilma lhe contou a história, e ela, claro!, a usou contra Aécio. Nesse caso, garanto que Dilma não viu nada de errado. Certamente acha que a jornalista estava apenas cumprindo a sua função. A propósito: os parceiros ocultos do PT que agora censuram a reportagem de VEJA não reclamaram quando a Folha publicou o texto com a acusação contra o tucano.
3. O que envergonha a imprensa, senhora candidata-presidente e senhora presidente-candidata, é dispor de uma informação e não publicá-la com receio de seu efeito eleitoral. É a senhora que disputa o poder, não a VEJA. A revista não tem a obrigação de servir às suas conveniências.
4. Youssef é do submundo do crime? Pois é. Ocorre que ele operava em parceria com diretores da Petrobras nomeados por Lula e que permaneceram no cargo em parte do seu governo. Diga-me, senhora presidente: como é que pessoas do submundo do crime conseguiram se apoderar da maior estatal do país? Quem as indicou?
Dilma foi adiante e afirmou: “Com das outras vezes, [a revista] vai fracassar no seu intento criminoso. A Justiça livre desse país seguramente vai condená-la por esse crime. Ela e seus cúmplices vão falhar. O povo brasileiro é inteligente para discernir a mentira da verdade”. Disse ainda: “O povo brasileiro dará a resposta à ‘Veja’ e seus cúmplices nas urnas, e eu darei a resposta a eles na Justiça”.
A Justiça é, sim, o lugar para aqueles que se sentem ofendidos, senhora presidente-candidata, senhora candidata-presidente. Tente lá demonstrar o crime cometido por VEJA e tente demonstrar por que a decisão tomada pela revista é diferente daquela tomada pela Folha em relação a Sérgio Guerra — procedimento que a senhora endossou, tanto que citou o texto em debate.
Não falo em nome da VEJA porque escrevo aqui o que quero. Mas não e difícil demonstrar que a senhora e seu partido estão atacando a reputação da revista. Se sou a VEJA, vou, sim, à Justiça contra a presidente e a desafio a provar que é mentira o que foi publicado. E que fique claro: a revista publicou que, no curso da delação premiada, Yousseff disse à Polícia Federal e ao Ministério Público que Dilma sabia do que estava em curso na Petrobras.
Dilma emite um péssimo sinal: se reeleita presidente, parece que ela não está disposta a uma convivência civilizada com a imprensa independente, com aquela imprensa que não tem “parceiros ocultos”, financiados por dinheiro público.
Tudo indica que Dilma quer agora brincar de um Hugo Chávez que quase fala português. Não é um bom caminho. Se ela acha que é, resta o quê? A luta, não é mesmo, moçada?
PS – Toda a gritaria de Dilma tem um único objetivo imediato: intimidar o Jornal Nacional para que ele não noticie o que já se sabe do depoimento de Youssef — que é o fato. VEJA só o noticiou.
Fonte: www.veja.com.br
Via blog do Skarlack
Uma decisão do juiz da vara cível de Macau, Klaus Cleber Morais de Mendonça, datada de 08 de outubro, foi tornada pública ontem(23), escreveu mais uma página na celeuma jurídica em torno da eleição do vereador Emanuel Galdino para a presidência do poder legislativo macauense, no biênio 2015/2016. O magistrado denegou o Mandado de Segurança que questionava os meios legais da eleição da mesa diretora, ocorrida no dia 07 de maio passado.
O mandado havia sido impetrado pelos vereadores Champirra, Lampião, Geruza Fonseca e Fátima Jácome, que consideraram ilegal a eleição da mesa diretora, questionando pontos como a antecipação da data do pleito e a convocação para a eleição, contestando o ato do atual presidente Oscar José Paulino de Souza.
O Ministério Público também opinou no processo e foi favorável a eleição de Emanuel Galdino, rejeitando as alegações levantadas pelos quatro vereadores. O presidente eleito recebeu a notícia em casa, no início da noite, já Oscar Paulino estava a caminho de Natal, quando foi informado da decisão pela sua assessoria jurídica.
Celso Amâncio/ Via Assis Silva

A MÁSCARA CAIU

Rosalba-com-Betinho-4

Não se engana ninguém o tempo todo, se consegue disfarçar algo por algum tempo, todavia tem sempre a hora determinante pra cair a máscara. 
O que a mídia há dias vinha suspeitando, consumou-se nas últimas 24 horas. 
A governadora Rosalba Ciarlini assume a defesa do nome de Robinson Faria. 
Cabe ao eleitor escolher, votar contra ou apoiar o governo desmantelado de Rosalba e correr o risco de eleger um governante mais demagógico do que quem prometeu acontecer e fez tudo que não desejava a sociedade. 
Não adianta arrependimento tardio, fechar a porta depois de roubado não é bom negócio, pense nisso eleitor.

ESSE TIME ENTROU EM CAMPO PRA FAZER HENRIQUE GOVERNADOR

IMG_8477.JPG

Henrique reuniu deputados eleitos e reeleitos para entrar em campo até o encerramento das urnas no domingo e finalizar o jogo com sua vitória. Henrique mostra confiança e diz que vencerá a eleição.

Governo Mais Desenvolvimento decreta ponto facultativo dia 27



DECRETO Nº 16/2014-SMGG

Estabelece ponto facultativo nos órgãos e entidades da Administração Direta, Autárquica e Fundacional do Poder Executivo Municipal.

                      O PREFEITO MUNICIPAL DE CARNAUBAIS, Estado do Rio Grande do Norte, no uso das atribuições que lhe confere a Lei Orgânica do Município,
 D E C R E T A:

                     
Art.1°. - Fica decretado PONTO FACULTATIVO nos órgãos e entidades da Administração Direta, Autárquica e Fundacional do Poder Executivo Municipal, no dia 27 de outubro de 2014 (segunda-feira), ressalvado, os serviços e as atividades considerados de natureza essencial, especialmente na área da Saúde e da Segurança Pública e Defesa do Cidadão.

                     Art.2°. - Este Decreto entrará em vigor na data de sua publicação revogando-se as disposições em contrário.

Carnaubais, 27 de outubro de 2014.
_________________________________________________________________
MANOEL BENEVIDES DE O JUNIOR
PREFEITO MUNICIPAL

George Soares leva o nome de Henrique à Várzea do Assú

george campanha
Dando sequência ao planejamento elaborado para atingir todos os bairros e localidades da cidade do Assú, o deputado estadual George Soares (PR) e o vice-prefeito Eurimar Nóbrega (PMDB) continuam levando o pedido do voto ao governável do PMDB, Henrique Alves no município, diante do segundo turno destas eleições.
Ontem, depois de concluírem os bairros centrais da cidade durante a semana, eles percorreram a Várzea do Assú, zona rural do município, passando pelo Poré, Fazenda Nova, Panon 1 e 2, Nova Esperança e encerrando com grande comício na comunidade de Linda Flor com diversas lideranças e a chama da participação popular.
“Andamos mais uma vez em todos os lugares da nossa querida Assú, da Várzea ao Centro, de ponta a ponta, levando a bandeira de Henrique Alves e João Maia neste segundo turno. Tenho certeza que nosso povo captou a mensagem que não podemos tirar o RN do buraco que se encontra com outro nome, além do de Henrique e dia 26 Assú e o RN vão votar no 15 e comemorar essa vitória merecida”, frisou o deputado George.
Postado por Robson Pires

LUIZINHO: O BOM FILHO A CASA RETORNA



Luizinho Cavalcante um aguerrido conterrâneo na sua desafiadora trajetória de luta, depois de se submeter a uma cirurgia laiser de complicações renais, retorna hoje a terra amada, sendo esperado ansiosamente por familiares, amigos e aliados políticos.
 Luizinho apesar de ter recomendação médica para um repouso absoluto, rende-se a sua incontrolável vontade de participar das lides politicas da campanha atual. 
Vem com sua presença abrilhantar a carreata que se fará hoje a noite pelas ruas da cidade em defesa da candidatura de Henrique governador.
O bloco socialista fará uma concentração de partida na quadra do CELC: Prefeito em exercício, vereadores e demais lideranças estarão fazendo as recomendações finais ao eleitorado da importância do voto para Henrique. 
Muita gente estará vindo abraçar o seu (lider) Luizinho, sentir de perto o afago do seu aperto de mão, numa demonstração inconteste de que tem mais gente desejando o seu bem, diferente de alguns corações maldosos que ficam no anonimato desejando o mal para o filho que retorna á sua casa,

UMA CONTA FÁCIL DE FAZER


MULTIPLICADOS POR TRÊS OS DEDOS DAS MÃOS APRESENTADOS NA IMAGEM O RESULTADO FINAL DÁ IGUAL A 15 NÚMERO QUE O ELEITOR VAI CONFIRMAR NAS URNAS DOMINGO... SOMADOS 5 + 5 + 5 = 15
Zeca e Robinson

AGENDA DE HENRIQUE PARA ESTA SEXTA FEIRA - 24 DE OUTUBRO


Sexta – Feira.
24/10/2014.
07:00

Natal.

Evento: Visita à Ceasa.

09:00

Caravana 15

Evento: Caminhada no Conjunto dos Guarapes.

Concentração: Quadra de Esportes.

11:00

Evento: Visita ao Centro da Cidade Alta.

15:00

Parnamirim.

Evento: Carreata do 15.

Concentração: Parque Aristófanes Fernandes.

17:00

Macaíba.

Evento: Carreata do 15.

17:00

Natal.

ALTO DO RODRIGUES - Prefeito Abelardo e seu grupo político encerra comícios com chave de ouro


Nem mesmo a truculência, irresponsabilidade, descumprimento por parte de Eider Medeiros e seu grupo político não conseguiram tirar o brilho, alegria do povo que acompanha o prefeito Abelardo e seu grande grupo político.

Ontem, mais uma vez, o desespero por parte do grupo do ex-prefeito Eider Medeiros, tomou conta da Avenida e, ocorreu um desrespeito à uma decisão judicial que determinava a coligação de Eider Medeiros que não realizasse comício no mesmo horário e roteiro da coligação do prefeito Abelardo Rodrigues (falaremos disso daqui a pouco)

A festa promovida pelas pessoas que querem e desejam um Alto do Rodrigues melhor para se viver, superou todas as expectativas. Muita carro, muita moto, mas muita, muita gente mesmo no último comício do prefeito Abelardo Rodrigues e seu grupo político.

A festa na Avenida parecia mais um alto folia, onde a alegria das pessoas contagiava aos que assistia nas calçadas e muitos deles, entrava na folia que reuniu bacurau, arara e todos que apoiam os candidatos de Abelardo Rodrigues.

Postado por Alto Noticias

DILMA CONVIDOU PAULO ROBERTO PARA O CASAMENTO DA FILHA


Dilma não gostava de Paulo Roberto, mas fez questão de convidá-lo para o casamento da filha
Carlos Newton
Não se pode contestar o ditado que diz “uma foto vale mais do que mil palavras”. Na verdade, a fotografia significa o flagrante, o instantâneo, como se dizia antigamente. E um flagrante jamais pode ser desmentido.
Existe uma foto, feita por Ed Ferreira, do Estadão, que mostra a familiaridade de Paulo Roberto Costa com o então presidente Lula e a ministra Dilma Rousseff. O flagrante foi colhido em 2006 no Palácio do Planalto. Da direita para a esquerda, aparecem Lula, Dilma, o então presidente da Petrobras, José Sérgio Gabrielli, o diretor de abastecimento da estatal, Paulo Roberto Costa, o presidente da Transpetro, Sérgio Machado (também envolvido na corrupção), e outra autoridade que não conseguimos identificar.
Hoje, a presidente Dilma repete que não gostava de Paulo Roberto Costa, mas não conseguia derrubá-lo. Essas declarações não correspondem à realidade, segundo o jornalista Lauro Jardim, da revista Veja. Diz ele:
De duas, uma: ou Dilma Rousseff gosta de ter em sua intimidade pessoas com quem não se bica ou suas incompatibilidades com o notório Paulo Roberto Costa não eram tão agudas como ela afirmou hoje na sabatina de O Globo. Basta relembrar que o diretor com quem Dilma diz não ter “afinidade” estava na seleta lista de convidados do casamento de Paula Rousseff, filha de Dilma, em 2008, em Porto Alegre”.
CONCLUSÃO
A foto pode ser considerada um belo flagrante, porque a ocasião foi reveladora. Presidente da República jamais despacha com diretor, só da audiência ao presidente da estatal. Da mesma forma, não despacha com vice-governador nem com secretário-geral de ministério, somente recebe ministros e governador, e isso nem ocorre frequentemente.
Como existem 39 ministros, muitos deles ficam meses (ou anos) esperando um chamado para audiência presidencial. Alguns jamais são chamados, nem conhecem direito o Palácio do Planalto. Ficam complexados, sentem-se rejeitados.
Mas o prestigiado diretor Paulo Roberto Costa, repetindo o genial filme de Peter Sellers, era um convidado muito especial e bem trapalhão.
ELEIÇÕES 2014
PESQUISA SENSUS: AÉCIO LIDERA COM VANTAGEM DE 9 PONTOS SOBRE DILMA
PESQUISA SENSUS CONTRADIZ IBOPE E DATAFOLHA E APONTA LIDERANÇA DO CANDIDATO TUCANO: 54,6% CONTRA 45,4% DE DILMA
Ichiro Guerra Dilma 13 e Marcos Fernandes CMB - Dilma Rousseff e Aecio Neves copy
Dilma Rousseff (PT) e Aécio Neves (PSDB). Ichiro Guerra/Dilma13 e Marcos Fernandes/Aecio45
Pesquisa Sensus que será divulgada em algumas horas pela revista IstoÉ mostra, ao contrário das pesquisas Ibope e Datafolha divulgadas ontem (23), liderança do candidato tucano Aécio Neves, com 54,6% das intenções de votos nos últimos dias do segundo turno da eleição presidencial. Dilma Rousseff, candidata do PT à reeleição, aparece com 45,4%.
A pesquisa também constatou que a dois dias das eleições 11,9% do eleitorado ainda está indeciso. “Como no primeiro turno, deverá haver uma grande movimentação do eleitor no próprio dia da votação”, afirma Ricardo Guedes, diretor do Instituto Sensus. Se for considerado o número total de votos, Aécio tem 48,1% e Dilma,  40%.
O  Sensus foi o único instituto de pesquisa a acertar o resultado do primeiro turno, que levou o candidato do PSDB à disputa do próximo domingo (26).
Pesquisa espontânea e rejeição
Na votação espontânea, quando nenhum nome é apresentado para o entrevistado, Aécio também está à frente de Dilma: o candidato do PSDB é  citado por 47,8% dos eleitores e a petista por 39,4%. Indecisos e votos em branco são 12,8% e 0,2% ainda citaram outros nomes.
O índice de rejeição à candidatura de Dilma Rousseff é elevado: 44,2% dos eleitores afirmaram que não votariam na presidenta de forma alguma. A rejeição contra o tucano Aécio Neves é de 33,7%. Segundo o diretor do Sensus, Ricardo Guedes, explicou à IstoÉ, quanto maior o índice de rejeição, menor a probabilidade de crescimento do candidato.
Últimos levantamentos
No último levantamento Sensus, na sexta (17), o candidato PSDB tinha 56,4% dos votos válidos, contra 43,6% da atual presidente. No dia 11, a vantagem do candidato tucano era maior: 58,8% contra 41,2%, segundo o Instituto Sensus.
A margem de erro da pesquisa Sensus é de 2,2 pontos percentuais. O Sensus ouviu 2.000 eleitores em 136 municípios, entre terça e esta sexta-feira (24). O levantamento está registrado no Tribunal Superior Eleitoral como BR-01166/2014.
Diário do Poder

“Conto com vocês para Jardim de Piranhas ter um filho vice-governador”, diz João Maia

Jardim de Piranhas 001-vert

O candidato à vice de Henrique (PMDB), deputado federal João Maia comandou passeata na noite desta quinta-feira (23) em sua terra natal, Jardim de Piranhas. Ao lado do deputado estadual eleito Álvaro Dias, dos ex-prefeitos Antônio Macaco, Galbê e Josidete Maia, do empresário Rogério Couro Fino, dos vereadores Luiz Macaco, João Dantas, Rosinha, Júnior e lideranças como Beto de Zé Henrique, Jane Maia, Chó de Sula e da população o vice percorreu várias ruas da cidade, terminando com um comício nas proximidades da Praça Plinio Saldanha.   Em seu discurso, João Maia falou da oportunidade que os jardinenses têm, neste domingo (26) de eleger um filho da terra vice-governador. “Nós viramos a campanha, a gente sente isso por onde passa, o povo levantou-se e espontaneamente está indo as ruas para dizer que quer eleger Henrique e João Maia neste domingo. Tenho o maior orgulho de dizer que eu, filho de um agricultor e nascido nesta terra fui escolhido por Henrique para lhe ajudar a governar o Estado”.
João Maia aproveitou a ocasião e pediu para que seus conterrâneos comparassem os dois palanques e chegarão a conclusão que no dele estão todos os que mais trabalharam por Jardim de Piranhas e região. “A luta política municipal existe, mas hoje estamos tratando de discutir o futuro desse Estado. Aqui estão os que mais trabalharam por vocês. E faço isso com alegria desde quando assumi a Secretaria de Desenvolvimento, ao trazer a governadora Wilma aqui e dar incentivos fiscais para garantir o funcionamento de nossas indústrias e gerar emprego para nossos conterrâneosPor tudo isso, conto com vocês para Jardim de Piranhas ter um filho vice-governador”, finalizou.
Fonte: Marcos Dantas

quinta-feira, outubro 23

Robinson foi mais provocador e Henrique mais eficiente no debate da Inter TV Cabugí

IMG_8457.PNG

O debate da Inter TV Cabugí pouco acrescentou no imaginário popular como intrumento de definição na escolha do futuro governador. 
O debate com 3 blocos distintos foi uma reprise do que já fora visto nos programas eleitorais. 
Um ping-pong de farpas e alfinetadas, cada um querendo tirar uma casquinha no outro.
 Na nossa ótica Robinson parecia sereno demais, foi mais provocador, tentando deixar Henrique nervoso com ilações acintosas a respeito do seu perfil politico.
 Henrique sem estar nervoso como insinuou seu adversário foi mais eficiente na elaboração das perguntas e respostas, inclusive saindo-se melhor nas considerações finais. 
Nada de especial trouxe o debate, agora as expectativas voltam-se para a pesquisa Ibope prevista para esta sexta feira.

Henrique e Robinson participam de debate na Inter TV Cabugi

Henrique Alves (PMDB) e Robinson Faria (PSD) disputam 2º turno no Rio Grande do Norte neste domingo, dia 26 (Foto: Elias Medeiros/G1)
G1/RN – Os candidatos ao governo do Rio Grande do Norte, Henrique Eduardo Alves (PMDB) e Robinson Faria (PSD), participaram de debate realizado pela Inter TV Cabugi, afiliada da Rede Globo, na noite desta quinta-feira (23) em Natal. No encontro, foram abordados temas como segurança pública, programas habitacionais, atuação política dos candidatos, finanças do estado e investimentos nas regiões do Rio Grande do Norte. Dividido em três blocos, o debate foi mediado pelo jornalista Ari Peixoto. Os candidatos fizeram perguntas entre si em dois blocos seguidos sobre temas livres e sorteados. No terceiro bloco, cada candidato fez suas considerações finais.
Por sorteio, Robinson Faria foi o primeiro a fazer suas considerações finais. Ele disse que “há alguns meses era o candidato que a classe política subestimava, sem perspectiva de ser candidato. Mas sou homem de muita fé. Nossa caminhada foi de coragem, resistência e ousadia. No passado o Brasil venceu o medo. A resistência agora vai vencer a arrogância e a política velha. Venceremos no domingo”.
Henrique Eduardo Alves, nas considerações finais, relembrou o início da carreira política, aos 21 anos, e falou sobre suas realizações como deputado federal, cargo que exerceu por 44 anos. “Não sei onde outros estavam, mas eu estava enfrentando a Ditadura Militar. Na minha caminhada todos esses anos fiz com que todo município do estado tivesse seu representante no legislativo, independente de partido ou interesse. Temos que lutar com equilíbrio para achar as parcerias e fazer o Rio Grande do Norte achar seu caminho”.
Mediador do debate, o jornalista Ari Peixoto elogiou o nível do debate e disse esperar que o encontro contribua para a escolha dos eleitores no próximo domingo. “Não esperava nada diferente. Os candidatos expuseram suias ideias e isso é importante para o eleitor decidir. Minha expectativa se cumpriu”, afirmou.
Postado por Robson Pires